Could Dead People Make More Money Than the Living? / Poderiam os Mortos Ganhar Mais Dinheiro do que os Vivos?

Dr. Seuss .jpgTheodore Geisel – Dr. Seuss

Could Dead People Make More Money Than the Living? / Clique Aqui para Português

The twentieth century inaugurated a series of unprecedented events such as the two World Wars, the implementation and collapse of communism and centralized economies as a political system, the consolidation of a technologically integrated world, the computer as a domestic accessory, industrialization and pollution, the growth of a planetary consciousness, among other new events in history.

However, one of the most curious and least commented phenomena is that the twentieth century represented the first time in history in which people who have died can make more money than living people do. This had never happened before.

The combination of technology with the development of business and legal mechanisms allowed several dead artists to generate millionaire annual salaries that still benefit many living people.

The champion of royalties is Elvis Presley, who still earns $ 45 million per year. Next comes Charles Schulz (Charlie Brown and Snoopy) with $ 28 million and John Lennon, who was murdered in 1980, but still makes $ 20 million per year.

The list continues: Andy Warhol ($ 16 million), Theodore Geisel – Dr. Seuss children’s books ($ 10 million), Marlon Brando (US $ 11.5 million), Marilyn Monroe ($ 8 million), JRR Tolkien – the Hobbit and Lord of the Rings (US $ 8 million) and George Harrison ($ 7 million).

Brando-35mm051.jpg-e1402719966987.jpgMarlon Brando. Source: marlonbrando.com

This income modality does not last forever because of intellectual property laws. In many countries, the royalties become public after a few decades, usually 50 years. The good part is that art remains eternal…

Marilyn_Monroe_Based_OnMarilyn Monroe.

token

JRR Tolkien

Poderiam os Mortos Ganhar Mais Dinheiro do que os Vivos?

No Século XX aconteceu uma série de eventos históricos inéditos, tais como as duas grandes guerras mundiais, a implementação e derrocada do comunismo e de economias centralizadas como sistema político, a consolidação de um mundo tecnologicamente integrado, o computador como acessório doméstico, industrialização e poluição, o crescimento de uma consciência planetária, entre outros eventos inéditos na história.

No entanto, um dos fenômenos mais curiosos e menos comentados é que o século XX representou o primeiro momento da história no qual pessoas que já morreram podem ganhar mais dinheiro que pessoas vivas.  Isso nunca tinha acontecido antes.

A combinação de tecnologia com o desenvolvimento de mecanismos legais e comerciais permitiu que a obra de vários artistas mortos continue gerando um milionário salário anual a muita gente viva.

O campeão de royalties é Elvis Presley, o qual ainda ganha US$ 45 milhões por ano.  Em seguida vem Charles Schulz (Charlie Brown e Snoopy) com US$ 28 milhões e John Lennon, assassinado em 1980, mas ainda gerando US$ 20 milhões por ano.

andy.jpgAndy Wahrol 

A lista continua: Andy Wahrol (US$ 16 milhões), Theodore Geisel – livros infantis do Dr. Seuss (US$ 10 milhões), Marlon Brando (US$ 11.5 milhões), Marilyn Monroe (US$ 8 milhões), J.R.R. Tolkien – do Hobbit e Senhor dos Anéis (US$ 8 milhões) e George Harrison (US$ 7 milhões).

Essa modalidade não dura para sempre por causa das leis de propriedade intelectual.  Em muitos países os royalties passam a ser públicos depois de algumas décadas, normalmente 50 anos.  Mas a boa notícia é que a arte continua sendo eterna…

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s